top of page
  • Foto do escritorTatiana Esposito

Novos monitores no Ativamente

Atualizado: 19 de jan. de 2023

Tem gente nova na área! Sim, a equipe de monitores do Ativamente cresceu, ao todo são 19 pessoas atuando na monitoria do projeto, e desses, quatro são novatos. Eles chegam com todo o gás e, assim como os veteranos, estão com muita vontade de levar a aprendizagem criativa para os alunos das escolas da rede municipal de ensino de Poços de Caldas.


Durante este mês de janeiro, toda a equipe tem se encontrado diariamente para capacitação, oficinas, cursos e para compartilhar vivências, momentos essenciais não só para os que chegam agora, mas também para os que já estão nesta jornada desde 2022.



Da esquerda para a direita: Sérgio (não é monitor, mas faz parte da equipe), Ana Flávia, Jéssica, Felipe e Maria Clara.


O blog Ativamente aproveitou um desses encontros para conversar com os novos monitores. Eles compartilharam suas expectativas, contaram o que os atraiu para o Ativamente e também como a capacitação tem sido importante para eles. Confira o que cada um disse:


Monitor Felipe Augusto Teixeira: “O projeto me atraiu muito quando ouvi falar dele. Na faculdade eu trabalhei durante um ano em um projeto de robótica e lá a gente desenvolvia a capacitação de alunos das escolas municipais, um trabalho focado nessa área de robótica. Então, o Ativamente me chamou a atenção porque ele tem essa pegada de tecnologia, de capacitação dos alunos, de levar essas ferramentas (computador, internet, jogos) e com essas tecnologias é possível que o aluno crie uma conexão muito mais forte com aquilo está aprendendo. Eu tenho bastante expectativa com o projeto e essa capacitação que estamos fazendo é muito importante, estou conseguindo me aprofundar nos assuntos, me desenvolver, tem funcionado muito bem para mim. Sem contar que estarmos juntos durante esses dias mantém a equipe unida, existe uma troca, nós vamos desenvolvendo as habilidades juntos, isso é muito importante”.


Monitora Maria Clara Silva: “Eu conheci o Ativamente através de uma outra monitora, ela me falou que era um projeto sobre tecnologia em escolas do município e eu achei bacana, me interessei. O ambiente escolar é algo que me atrai, mas quando eu estudei pedagogia, eu não gostava muito do sistema tradicional de educação, aí resolvi fazer serviço social porque entendi que poderia fazer a diferença, muito mais do que se estivesse apenas passando um conteúdo em sala de aula. Agora, com o Ativamente, eu acredito que posso fazer as duas coisas. Eu quero estar bem preparada para quando levarmos o projeto para a prática em sala de aula, quero estar por dentro de tudo para poder entregar o melhor para os alunos”.


Monitora Jéssica Aparecida Dias Pereira: “A oportunidade de estar em sala de aula e ainda trabalhar com o lado criativo da criança foi o que me atraiu no Ativamente. Eu fiquei bem animada por poder trabalhar sem ser com conteúdo especifico de matérias, sem ser aquele modo tradicional de aula. A capacitação está sendo diferente, ainda mais para mim, que já trabalhei em varias áreas, estou gostando bastante, estou aprendendo muito. Como mãe, estou tendo um olhar diferente para o aprendizado das crianças, eu passei a prestar atenção em coisas que antes não atentava muito, como o pensamento computacional, que está no nosso dia a dia. Estou na expectativa para começar com a prática em sala de aula, vai ser um desafio sim, mas estou bem animada”.


Monitora Ana Flávia Viana: “O que eu achei mais interessante foi a possibilidade de trabalhar com educação fora daquele formato tradicional, então, quando eu soube que eu poderia exercer a docência de uma maneira diferente, criativa e dinâmica, eu me senti muito atraída, eu senti que poderia explorar muito além da proposta formal de educação. A capacitação vem ampliando a minha perspectiva e até mesmo quebrando alguns paradigmas, vejo que a tecnologia pode sim atuar junto às atividades consideradas mais tradicionais, como a leitura, tudo depende da forma como você aborda, de como você apresenta essa tecnologia para a criança e para o adolescente, não sendo apenas no sentido de entretenimento, mas como ferramenta de aprendizado. Estou gostando muito, está sendo muito bom [a capacitação]. Entendo que através do Ativamente nós podemos tentar ajudar o aluno com o conteúdo, trabalhando de forma mais lúdica, mais interativa e mais ativa, de forma que a criança possa ler o mundo de uma maneira mais crítica e assim ampliar os seus horizontes”.


Acontece no Mundo Ativamente


Esse é o Acontece no Mundo Ativamente. Um diário de bordo do projeto Poços Educação para o Futuro, que leva a Aprendizagem Criativa do método Ativamente para as escolas municipais de Poços de Caldas. Acompanhe nosso blog e participe. :) Sua participação é muito importante para nós e para todos os envolvidos nessa jornada!


Comments


bottom of page