top of page
  • Foto do escritorTatiana Esposito

Um projeto que desafia os alunos

Os aprendizados que vêm sendo conquistados através da proposta da 3ª etapa, voltada aos alunos de 5º ano, têm sido inúmeros. Muitas descobertas, curiosidades e novas oportunidades a cada dia se fazem presentes entre os estudantes e, na turma do 5º ano A, da Escola Municipal Júlio Bonazzi não é diferente.


Alunos exploraram e colocaram a mão na massa para a construção dos robôs.


Depois de estudarem e explorarem muito sobre eletricidade e os diversos materiais que podem ser utilizados na construção de circuitos elétricos, os estudantes colocaram a mão na massa e construíram o robô rabiscador, que em muitas turmas de 5º ano foi chamado de Robisco (uma das sugestões da apostila).


A professora Denise Oliveira Cândido contou que a turma dela estudou e pesquisou muito sobre fontes de energia elétrica (usinas hidrelétricas, termelétricas, eólicas, fotovoltaica, pilhas e baterias). Depois, foi possível aprender de forma prática como a pilha, quando colocada em um aparelho, é capaz de gerar energia elétrica e fazê-lo funcionar. “Além disso, o processo de pesquisa e construção do robozinho foi uma forma divertida de descoberta. Através do material disponibilizado, o aprendizado foi mais atrativo, pois eles construíram o robozinho com muita dedicação (alguns receberam até nome) e ver o resultado final foi gratificante”, disse.


Segundo a professora, os alunos se mostraram bastante interessados pelas atividades da 3ª etapa. “O projeto veio para desafiar nossos alunos, por isso a participação é maravilhosa. Eles utilizam o computador para as pesquisas, o que para alguns seria impossível sem o projeto. As aulas também foram significativas, pois estavam alinhadas ao conteúdo do 5º ano”, apontou.


Robisco em ação.


A educadora também falou das habilidades potencializadas e das contribuições do Ativamente com o desenvolvimento e o aprendizado geral dos alunos. “Com as aulas, os alunos conseguiram comparar os tipos de energia, seus impactos socioambientais e entenderam como a energia de uma pilha funciona. Além disso, a utilização do recurso digital contribui para desenvolver o aprendizado e a autonomia da criança, sendo uma ferramenta importante no processo pedagógico. A inclusão é fantástica, pois além de desenvolver a cooperação e a solidariedade entre os alunos, promove o conhecimento de forma criativa. Sabemos que o mundo digital é uma grande fonte de informação e um aliado, quando utilizado de forma produtiva. Desejo que o projeto Ativamente continue apoiando de forma significativa o processo de ensino, pois ele proporciona um aprendizado prazeroso e criativo”, destacou.


Acontece no Mundo Ativamente

Esse é o Acontece no Mundo Ativamente. Um diário de bordo do projeto que leva a Aprendizagem Criativa do Ativamente para as escolas municipais de Poços de Caldas e agora para os laboratórios experimentais em Caldas (MG), Nova Serrana (MG), Botucatu (SP), São João da Boa Vista (SP), Vargem Grande do Sul (SP) e Santa Maria (RS). Acompanhe nosso blog e participe. :) Sua participação é muito importante para nós e para todos os envolvidos nessa jornada!



Comments


bottom of page